Olho D'água do Borges/RN -

Antonimar Amorim participar de encontro com o Senador Styvenson Valentim

 

O pré-candidato a prefeito de Olho D’água do Borges Antonimar Amorim (União Brasil), acompanhado de sua Pré-candidata a vice-prefeita, Marceli Fernandes (Podemos), participaram na tarde desta sexta-feira (24) de um encontro na cidade serrana de Portalegre, com o senador Styvenson Valentim (PODEMOS).

Na oportunidade, o Senador Styvenson Valentim (PODEMOS), anunciou o apoio à pré-candidatura a prefeito de Olho D’água do Borges, de Antonimar e Marceli. “Meu apoio a pré-candidatura de Antonimar Amorim, é incondicional e irrestrito. Já tomei conhecimento que Antonimar é o grande favorito para vencer a eleição, confio e acredito que ele é a melhor opção para assumir a Prefeitura de Olho D’água do Borges, que encontra-se carente e abandonada”, afirmou Styvenson.

O Senador Styvenson é um grande aliado nas lutas pelo desenvolvimento do Rio Grande do Norte, conseguindo recursos para construção e reforma de hospitais, escolas, usinas de asfalto, entre outras obras importantes para o desenvolvimento do nosso estado. 

Além de Antonmar e Marcele, também participaram do encontro, o ex-prefeito deste município, e pré-candidato a vereador de Natal, Brenno Queiroga (Podemos), Vereadores Pedro Chaves, Branca Cortes, pré-candidatas a vereadoras Gildenia Paiva e Eliana Nogueira. Os demais vereadores e Pré-candidatos não participaram por incompatibilidade em suas agendas.

 

Emparn prevê chuvas entre normal a acima da média entre os meses de junho a agosto

 

A Empresa de Pesquisa Agropecuária do Rio Grande do Norte (Emparn) concluiu nesta sexta-feira (24) a análise das condições de chuvas e previsão para os meses de junho, julho e agosto de 2024 para o Rio Grande do Norte. De acordo com a Unidade Instrumental de Meteorologia da Emparn, as condições de chuvas devem variar entre normal a acima da média histórica para as regiões Leste e Agreste do estado.

Quanto às regiões Central e Oeste, que nesse período começa o período de estiagem, as chuvas devem ocorrer em índices próximos à normalidade, podendo em alguns momentos ocorrer pancadas de chuvas significativas. Segundo o serviço de meteorologia da Emparn, as condições oceânicas e da circulação atmosféricas são determinantes.

No oceano Atlântico, as águas superficiais na bacia tropical continuam mais quentes que o normal, mantendo as condições favoráveis à ocorrência de chuvas com intensidade moderadas a fortes para esse período em toda a faixa litorânea do Nordeste — deste o sul do estado da Bahia até o litoral norte do Rio Grande do Norte.

As temperaturas, de acordo com o meteorologista Gilmar Bristot, continuarão apresentando valores acima do normal, com a máxima variando de 290C a 310C e a mínima entre 200C a 240C. No interior do estado, a temperatura máxima deve variar entre 330C a 350C e a mínima entre 180C a 220C nas regiões serranas.

Em maio

As chuvas observadas até o momento, durante o mês de maio no Rio Grande do Norte, apresentaram valores abaixo do normal devido principalmente à presença de um bloqueio atmosférico que se instalou durante grande parte do mês sobre a parte central a América do Sul, de acordo com o meteorologista Gilmar Bristot, impedindo a passagem de sistemas frontais e forçando o deslocamento da Zona de Convergência Intertropical para o norte. Parâmetros que, segundo a Emparn, provocam a redução das instabilidades sobre a região. Foram observados alguns eventos com chuvas fortes nas regiões do Oeste, no município de Campo Grande e no Litoral Leste, região da Grande Natal. As regiões Central e Agreste do Rio Grande do Norte registraram, em maio, chuvas abaixo do esperado para o período (até 24 de maio), com 29,4% e 31,5%, respectivamente.

 

Getúlio Rego ou Vivaldo Costa?

 

A recente aposentadoria do conselheiro Tarcísio Costa do Tribunal de Contas do Estado do Rio Grande do Norte (TCE-RN) abriu uma nova e importante vaga, desencadeando uma disputa acirrada entre os deputados estaduais. Entre os principais nomes cotados para ocupar a vaga estão os deputados George Soares e Gustavo Carvalho, e suas possíveis nomeações podem provocar mudanças significativas na Assembleia Legislativa do RN.

Se George Soares for escolhido para assumir a vaga no TCE-RN, isso abrirá espaço para o retorno de Vivaldo Costa, seu suplente, à Assembleia Legislativa. Vivaldo Costa, veterano na política potiguar, traz consigo uma longa experiência e um histórico de diversas legislaturas, o que certamente influenciará as dinâmicas internas do legislativo estadual.

Por outro lado, se Gustavo Carvalho for o indicado para o TCE-RN, quem retorna à Assembleia é o suplente Getúlio Rego. Getúlio Rego também é um político de vasta experiência e sua volta adicionaria um perfil experiente e conhecido na política estadual ao cenário legislativo.

 

Política Rejeição ao governo Lula é maior que a aprovação, diz novo levantamento da Paraná Pesquisas

 

Novo levantamento do instituto Paraná Pesquisas mostra que a rejeição ao governo do presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) continua maior que a aprovação. De acordo com os resultados do estudo, 49,6% dos entrevistados desaprovam a gestão petista, enquanto 46,2% aprovam. Outros 4,2% não sabem ou não responderam.

O levantamento da Paraná Pesquisas ouviu pessoalmente 2.020 eleitores em 160 cidades entre os dias 27 de abril e 1º de maio. A margem de erro é de 2,2 pontos percentuais e o índice de confiabilidade é de 95%.

Comparado à pesquisa anterior feita pelo instituto, em março, a rejeição do presidente oscilou para cima em 0,8%. A aprovação, por sua vez, recuou 0,4%, percentual que também está dentro da margem de erro.

Para 31,9% dos brasileiros, a gestão de Lula é ótima ou boa, um ponto percentual a menos do que o estimado em março. Por outro lado, 41,1% consideram a administração petista ruim ou péssima, uma oscilação para cima de 0,6% em comparação à pesquisa anterior. Outros 26% acham que o governo federal faz um trabalho regular.

Estadão Conteúdo

 

Com alta de 11%, arrecadação de ICMS do RN alcança R$ 671,2 milhões em abril

 

A arrecadação de ICMS no Rio Grande do Norte apresentou crescimento de 11% em abril de 2024 em comparação ao mesmo mês de 2023, segundo informações do Boletim Fazendário do RN, publicado mensalmente pela Secretaria de Estado da Fazenda. O montante foi de R$ 671,2 milhões em abril/ 2024 ante 604,8 milhões em abril/2023. No acumulado deste ano, a arrecadação de ICMS no Estado chegou a R$ 2,68 bilhões. Apesar do crescimento, o titular da Fazenda no RN, Carlos Eduardo Xavier, projeta um crescimento menor em relação aos últimos anos em virtude da queda da alíquota de 20% para 18%.

“A arrecadação de abril de 2024 comparada com abril/2023, apesar de já estar valendo em abril de 2023 a alíquota de 20%, ela ainda reflete o movimento econômico de março quando a alíquota era de 18%. Então isso explica esse crescimento de cerca de 10 a 11%, na mesma linha dos meses anteriores, janeiro, fevereiro e março. Essa é a explicação do comportamento do ICMS do mês de abril”, explicou o secretário Carlos Eduardo Xavier.

A mudança de alíquota no Rio Grande do Norte aconteceu no dia 1º de janeiro de 2024, com o ICMS saindo de 20% para 18%. No ano passado, o Governo do RN chegou a enviar um projeto de lei para a ALRN na tentativa de manter a alíquota em 20%, recebendo 14 votos contrários. A alíquota em 20% estava em vigor desde dezembro de 2022, quando o Governo sancionou legislação aumentando a alíquota temporariamente para 20%.

Em relação ao acumulado no quadrimestre, o crescimento foi de 8% em 2024 comparado com o mesmo período de 2023, tendo o RN arrecadado R$ 2,68 bilhões em ICMS neste ano. “Em relação ao quadrimestre, é uma comparação de 18% com 18%, então por isso esse crescimento médio de 8% nesse período. Era algo esperado num ritmo que era bem menor do que vinha acontecendo no ano passado. Tivemos um crescimento de 15% entre 2023 e 2022. A principal explicação era a alíquota de 20%, então o ritmo de crescimento em 2024 já cai para 8%”, explica Xavier.

Tribuna do Norte

Dnit termina obra do desvio na BR-304 e trânsito flui sem sistema “Pare e Siga”


O Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit) concluiu nesta quinta-feira (23) a obra do desvio construído às margens da BR-304 em Lajes, na região Central Potiguar.

O local estava em construção desde 3 de abril, após fortes chuvas arrastarem uma ponte na BR-304, bloqueando o trânsito na rodovia. O prazo inicial de entrega era 15 dias, mas o Dnit adiou a finalização sucessivas vezes.

Na última segunda-feira (20), o tráfego foi liberado na via mesmo com a obra incompleta. Desde então, os serviços de pavimentação continuaram e os motoristas tiveram de respeitar o sistema de “Pare e Siga”. Agora, o trânsito está liberado completamente.

Segundo o Dnit, a obra custou pouco mais de R$ 6 milhões (exatamente R$ 6.169.202,19). O órgão enfatiza que não se trata de um simples desvio, e sim de uma estrada paralela na BR-304. O trecho será aproveitado durante a duplicação da rodovia.

Nova ponte

Agora, as atenções se voltam para a recuperação da estrada em si. De acordo com o Dnit, o anteprojeto da nova ponte da BR-304 foi aprovado e a empresa que fará o serviço também já foi selecionada.

A expectativa é que a ordem de serviço seja assinada na próxima semana, com prazo de conclusão de um ano. A nova ponte terá uma estrutura reforçada contra enchentes.

A contratação será na modalidade emergencial, o que dispensa a realização da licitação.

98 FM Natal

Município de Olho D'água do Borges está entre as piores taxas de alfabetização do RN

 

O IBGE divulgou nesta sexta-feira (17), uma lista das cidades com as maiores e menores taxas de analfabetismo no país. As informações fazem parte do Censo 2022 - Alfabetização.

No Rio Grande do Norte, depois de Parnamirim e Natal, as cidades com melhor desempenho são Extremoz, Mossoró, São Gonçalo do Amarante, Caicó, Tibau do Sul, Acari, Tibau e Nísia Floresta.

Como era de se esperar, de acordo com a lista divulgada pelo IBGE, o Município de Olho D’água do Borges aparece em 9º lugar, entre as nove piores taxas de alfabetização do Rio Grande do Norte.

De acordo com o censo do IBGE, temos 25,15% de analfabetos. Isso significa dizer que, 1 de cada 4 pessoas do município de Olho D’água do Borges, não sabe ler ou escrever.

Com base nos dados divulgados pelo IBGE, o município Olho D’água do Borges tem quase o dobro da media estadual, que é 13,9%,  e quase quatro vezes a media nacional que é 7% de analfabetos.  

Não podia ser diferente o resultado, pois ao longo dos sete anos e cinco meses da gestão Maria Helena,  não foram feito investimos em estrutura física adequada, como por exemplo, a conclusão da obra da Escola municipal Antônio Carlos, que continua inacabada.

Os alunos estudam em salas de aulas improvisadas e inadequadas, sem espaços e ventilação na sua maioria, professores efetivos sem receber reajuste do piso salarial a mais de dois anos, um grande numero de professores temporários, contratados de forma irregular, ganhando um salário mínimo, e sem renumeração no recesso escolar, descaso com o transportes escolar, entre outros tantos absurdos. Ou seja, é um descaso total com a educação do município.

Enquanto a taxa de alfabetização do município despenca e chega aos piores índices do Rio Grande do Norte, a prefeita Maria Helena faz turismo em Brasília acompanhada de familiares, gastando o dinheiro público, como se estivesse tudo normal na sua gestão.

A gestão Maria Helena está um verdadeiro desastre e caminha a passos largos para o fundo do poço. Nada que esteja tão ruim, que não possa piorar! 

Comissão do Senado aprova projeto de Styvenson que prevê castração química para estupradores

 

A Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado aprovou nesta quarta-feira (22), por 17 votos a 3, um projeto de lei que permite a castração química voluntária de condenados reincidentes em crimes sexuais. O projeto é de autoria do senador Styvenson Valentim (Podemos-RN).

A proposta tramita na CCJ em caráter terminativo, o que significa que, caso não haja recurso para levar o tema ao plenário, ela seguirá direto para a Câmara dos Deputados.

Segundo o projeto, o “tratamento” será voluntário e oferecido a reincidentes em estupro, violação sexual mediante fraude e estupro de vulnerável. Se a solução hormonal for acatada pelo condenado, ele poderá receber liberdade condicional.

A redação original previa também a castração física, uma intervenção cirúrgica permanente para contenção da libido e da atividade sexual. No entanto, o relator, Angelo Coronel (PSD-BA), considerou essa medida inconstitucional e a retirou da matéria.

A castração química é apresentada no projeto como uma medida “alternativa ao cumprimento de pena”. Isso significa que, ainda que o condenado opte pela castração, caberá ao juiz avaliar se ele poderá retornar ao convívio social.

Com informações de Portal da 98 FM

42% dos deputados avaliam Lula negativamente; 32% aprovam, diz pesquisa Quaest

 

Pesquisa Quaest divulgada nesta quarta-feira (22/5) aponta que 42% dos deputados federais avaliam o governo de Luiz Inácio Lula da Silva (PT) como negativo. Os que consideram positivo somam 32%. Outros 26% veem a gestão do petista como regular.

O levantamento, encomendado pela Genial Investimentos, ouviu 183 deputados federais (35% do total), levando em consideração os estratos de região e posicionamento ideológico dos partidos. A margem de erro é de 4,8 pontos percentuais.

Em agosto de 2023, a sondagem do mesmo instituto registrava 35% de avaliação positiva; 33% negativa; e 30% regular.

A pesquisa também perguntou aos deputados se eles consideram que o país está indo na direção certa ou errada. Os que responderam a primeira opção foram 38%, enquanto 52% avaliam que o país vai na direção errada. Outros 10% não souberam ou não responderam.

No que diz respeito à relação do governo com o Congresso Nacional, 43% dos políticos ouvidos avaliaram como negativa; 33% como regular; e 22% como positiva.

Além disso, 64% consideram que o governo dá menos atenção aos parlamentares do que deveria. Outros 27% avaliam que dá a atenção devida. Apenas 4% dizem que dá mais atenção do que deveria. 5% não souberam ou não responderam.

Metrópoles

 

Desvio na BR-304 é liberado no sistema pare e siga


O desvio na BR-304, em Lajes, foi liberado no sistema pare e siga na tarde desta segunda-feira (20). Ainda falta uma parte com menos de 100 metros para concluir a obra, quando o desvio será liberado por completo, até o fim desta semana. A informação foi repassada pelo superintendente do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT) no Rio Grande do Norte, Getúlio Batista Neto.

O desvio começou a ser construído na primeira semana de abril e tinha previsão inicial de 15 dias, mas teve prazo modificado em razão das chuvas, segundo informou o Dnit. O investimento total para a obra do desvio é de R$ 6,1 milhões.

O órgão diz que quando finalizado, o desvio terá 500 metros de extensão, 10,5 metros de largura (incluindo dois acostamentos de 1,5 metro cada) em pavimento de Concreto Betuminoso Usinado a Quente (CBUQ). A camada de CBUQ terá sete centímetros de espessura, garantindo aos usuários mais segurança ao trafegar e possibilitando a passagem de veículos pesados.

A pista é provisória. Será utilizada enquanto a travessia da rodovia que cedeu não for feita. Após isso, será aproveitada como parte do canteiro de obras para a execução da nova ponte. A ponte a ser construída vai substituir a estrutura que colapsou no final de março em decorrência das fortes chuvas.

Tribuna do Norte

Governo do RN começa a recuperar estradas estaduais, e primeiro trecho em obras é a RN-117

 

O Governo do Rio Grande do Norte iniciou neste fim de semana a restauração dos primeiros trechos de estradas estaduais. As obras foram iniciadas exatamente no sábado (18).

O primeiro trecho contemplado foi a RN-117 no trecho entre os municípios de Mossoró e Governador Dix-Sept Rosado.

A via está no lote 1 do Programa de Restauração de Rodovias Estaduais, que abrange ao todo as seguintes vias na região Oeste Potiguar:

  • RN-117 (entre Mossoró e Governador Dix-Sept Rosado);
  • RN-015 (entre Mossoró e Baraúna);
  • RN-177 (entre Rodolfo Fernandes e Coronel João Pessoa, passando por Pau dos Ferros e São Miguel);
  • RN-079 (entre o entroncamento com a BR-405 e Alexandria, passando por Marcelino Vieira);
  • Estrada de Tibau a Grossos.

No total, são 210,5 km neste primeiro trecho, ao custo de R$ 134 milhões. A ordem de serviço para este lote foi assinada no dia 3 de maio pela governadora Fátima Bezerra (PT).

Segundo o governo, o programa irá restaurar ao todo quase 800 km de rodovias em todo o Estado, com um investimento total de R$ 428 milhões. O dinheiro é proveniente de um empréstimo contratado junto ao Banco do Brasil, com aval do Governo Federal.

Fonte: Portal 98Fm 

Setores do PT consideram irrecuperável imagem de Fátima Bezerra

 

A governadora do Rio Grande do Norte, Fátima Bezerra, enfrenta um período crítico de sua administração, com uma parcela significativa do Partido dos Trabalhadores (PT) no estado considerando sua imagem irrecuperável. A rejeição ao governo Fátima Bezerra beira os 70%, refletindo um descontentamento generalizado entre os eleitores potiguares.

Entre as principais críticas ao governo de Fátima Bezerra estão problemas na gestão da saúde, educação e segurança pública, além de questões econômicas que impactaram negativamente o estado. Esse cenário desafiador tem levado membros do PT a considerar novas estratégias para as próximas eleições.

Nos bastidores políticos, já se ventila a possibilidade de uma mudança de rumo para a governadora em 2026. Uma das alternativas discutidas é a candidatura de Fátima Bezerra para a Câmara Federal, em vez de buscar a reeleição ou outra posição executiva. Essa mudança de voo seria uma tentativa de preservar sua carreira política e aproveitar sua experiência legislativa, enquanto o partido busca reconstruir sua imagem e reconquistar a confiança dos eleitores no estado.

Robinson Pires 

Suspeita de corrupção e forte oposição poderá impedir segundo mandato de prefeito de Mossoró

 

O prefeito de Mossoró e candidato à reeleição, Alysson Bezerra, enfrenta um cenário político cada vez mais complicado. Além de enfrentar uma oposição forte e unificada, sua administração está sob a mira de recentes escândalos de corrupção.

Antes bem avaliado pela população, Bezerra começou a ver sua popularidade declinar nos últimos meses. A aliança formada pela oposição promete ser um desafio importante em sua busca pela reeleição, representando um bloco coeso e determinado a impedir seu segundo mandato.

Os indícios de corrupção em seu governo, que agora são alvo de investigações, têm agravado a situação. Estes escândalos, que incluem suspeitas de irregularidades em contratos e uso inadequado de recursos públicos, enfraqueceram a confiança da população em sua gestão.

A reação do prefeito frente a esses obstáculos será difícil para o desenrolar da campanha eleitoral. Ele terá que lidar não só com a resistência crescente da oposição, mas também com a tarefa de recuperar a credibilidade junto aos eleitores e esclarecer as acusações de corrupção.

 

É com grande pesar que comunicamos o falecimento do professor Francisco Canindé de Medeiros

 

É com profunda consternação e sincero pesar que noticiamos o falecimento do Professor Francisco Canindé de Medeiros, ocorrido na noite dessa sexta-feira 17, na cidade de Natal.

Canindé foi Diretor e professor de Física e Matemática na Escola Estadual 20 de Setmbro, aqui na cidade de Olho D’água do Borges, e contribuiu para a formação de muitos alunos nessa instituição de ensino.

Dele, guardamos a memória de uma pessoa culta, cordial, e humana, muito afetuosa, por quem tínhamos grande estima e consideração pessoal.

Neste momento de luto e de dor, apresento à Família enlutada, em meu nome e em nome de toda Olho D’água do Borges, os meus sinceros sentimentos de profundo pesar pela imensurável perda.
O seu velório será  no cemitério Morada da Paz, em Emaus, das 9 às 16hs, e o sepultamento às 17hs deste sábado.

Com eterna saudade,

 
Copyright © 2010-2013 Blog do Gilberto Dias | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento » RONNYdesing | ronnykliver@live.com - (84)9666-7179